Vale-Transporte fica mais caro nos trens e metrô

O Diário Oficial do Estado publicou decreto de reajuste do valor do Vale-Transporte pago pelas empresas a seus funcionários, a partir do próximo sábado (23). A publicação saiu na edição de sábado (16).

As empresas vão pagar a partir do próximo sábado a tarifa de R$ 4,83 para os trens da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) e Metrô, no lugar dos R$ 4,40 cobrados atualmente.

Para os demais passageiros a tarifa continuará sendo de R$ 4,40.

Segundo o Governo do Estado esse reajuste serve para equilibrar as contas, já que deixou de subsidiar a tarifa.

A Prefeitura da Capital e o Governo do Estado não reajustaram as tarifas pagas pelo cidadão nos transportes públicos neste ano, mas estão adotando medidas para fechar o caixa. Uma delas foi o fim da gratuidade para pessoas entre 60 e 64 anos.

A expectativa é de que 186 mil pessoas passem a pagar pelo transporte coletivo a partir de 1º de fevereiro.  O Tribunal de Justiça do Estado derrubou liminar de primeira instância, que impedia a cobrança.