Sindicalista denuncia transporte clandestino

O sindicalista Paulo Ataíde, do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Jundiaí e Região, denunciou na sessão desta terça-feira (07) da Câmara de Vereadores a existência de vários transportadores clandestinos, que estão atuando no município.

Segundo o sindicalista ele procurou o secretário dos Transportes na Prefeitura, para apresentar a denúncia, mas não foi recebido. Ele disse que a situação pode ficar fora de controle para o município, como ocorreu em 1995, com “guerra urbana” envolvendo transportadores clandestinos com vans que atacavam motoristas de ônibus.

Paulo disse para os vereadores que no Distrito Industrial tem sido grande a quantidade de peruas sem condições de tráfego transportando trabalhadores. Há até casos de ônibus fazendo transporte fretado para empresas, sem qualquer segurança e as indústrias é que vão ter de arcar com indenizações altíssimas, se ocorrer acidente.

O sindicalista pediu apoio dos vereadores para fazer a Secretaria dos Transportes voltar a fiscalizar as atividades clandestinas na cidade.

Atrasos nos ônibus

Passageiros de ônibus reclamam dos constantes atrasos nas linhas do Eloy Chaves, principalmente depois que a AutoBAn começou a fazer obras no trevo da avenida Jundiaí. Eles pedem para a Prefeitura mais carros na linha.

 

%d blogueiros gostam disto: