“Brasil está doente”, diz Miguel Haddad

O deputado federal, Miguel Haddad (PSDB), disse na Rádio Cidade AM que o “Brasil está doente e precisa de remédios amargos”, principalmente Trabalhista e Previdenciária.

Miguel disse que sindicalistas marcaram reunião com ele, mas no horário estará viajando para Brasília e só pode atender em outro dia.

Com relação aos comentários sobre a entrevista do Deputado Federal Miguel Haddad na Rádio Cidade, a Assessoria de Imprensa esclarece que nessa entrevista em nenhum momento Miguel Haddad declarou que votaria contra ou a favor da Reforma da Previdência.

O deputado reafirma em sua página nas redes sociais que não poderia se posicionar sobre algo que não está definido “pois o projeto ainda está em discussão na Comissão da Câmara Federal, onde deverá sofrer mudanças”.

Miguel disse que o Brasil está doente e precisa de remédio.

A página do deputado é a https://www.facebook.com/miguelmhaddad