FEBRE AMARELA: Vacinação ainda é necessária

A Prefeitura de Jundiaí voltou a orientar a população para tomar a vacina contra a febre amarela. A cidade acumula quatro mortes de macacos na zona rural com a doença.

Desde abril, aproximadamente 80 mil moradores de Jundiaí se imunizaram contra febre amarela. A dose é disponibilizada em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) da cidade desde agosto, quando foi confirmada a primeira morte de macaco com a doença. Nesta semana, foram confirmadas mais três mortes de macacos com febre amarela. A cidade não registra casos da doença em humanos.

A orientação da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS) é para os moradores de bairros com características rurais, que ainda não se imunizaram, procurem a UBS mais próxima para receber a dose, gratuitamente.

“É importante que a população moradora nas áreas onde há mata se imunizem para evitar a infecção em humanos. A febre amarela é uma doença perigosa, que pode matar. A imunização é uma medida simples e gratuita que evitar qualquer risco”, detalha a diretora do Departamento de Vigilância em Saúde, Fauzia Abou Abbas Raiza. A vacina contra febre amarela continua a ser ofertada em todas as UBSs da cidade, conforme calendário divulgado (abaixo).

Jundiaí contabiliza quatro macacos encontrados mortos confirmados com febre amarela, sendo o primeiro no bairro São José da Pedra Santa, dois no Corrupira e um Champirra. Outros 58 aguardam resultados de exames. Ao todo a cidade registra 101 macacos encontrados mortos e encaminhados para análise no Instituto Adolfo Lutz.

Quem deve ser vacinado?

Precisam ser imunizadas crianças a partir de nove meses a idosos. As restrições individuais serão analisadas pelos profissionais de saúde. A vacina contra a febre amarela é de dose única e garante imunidade para o resto da vida e, por isso, quem já foi vacinado anteriormente não precisa realizar o reforço.

Macacos não transmitem

A transmissão da doença ocorre através da picada de insetos dos gêneros Haemagogus e Sabethes que estejam contaminados com o vírus. Os macacos também são vítimas da doença e morrem alguns dias depois de iniciado os sintomas. Por isso, esses animais são tidos como ‘sentinelas’ da doença para os humanos. Dessa forma, é importante que não sejam mortos ou feridos. Caso encontre algum animal nessas condições, avise imediatamente a Unidade de Vigilância de Zoonoses.

Relação das UBS e dias de vacinação

Horário: das 9h às 15h
(intervalo de almoço das 12h às 13h)

UBS                       DIA DE APLICAÇÃO         ENDEREÇO
Agapeama          Sexta – feira                       Rua Luis Capri, 238
Anhangabaú      Terça – feira                       Rua Hans Staden, 40
Aparecida           Quarta – feira                    Rua Joaquim Murtinho, 208/ Rua Areias, 22
Caxambu             Quinta – feira                    Rua João Thomasi, S/Nº
Centenário         Quinta – feira                    Rua Plíniqueira de Godoy, 11
Comercial           Segunda – feira                Rua Apolo de Almeida, io de Almeida Ramos, 190
Central                 Quarta – feira e Sexta    Antonio Segre, 71 (com Av. Henrique Andrés 680)
Colônia                Quarta – feira                    Rua. Profª. Benedita S150
Corrupira            Segunda – feira                Rua João Augusto Cruz, 50
Eloy Chaves        Quinta – feira                    Avenida Carlos Veiga, 180
Esperança           Sexta – feira                       Rua Analândia, 372
Esplanada           Terça – feira                       Rua João Omair Simionato, 100
Fazenda Grande Sexta – feira                     Rua Daniel da Silva, 158
Guanabara         Quarta – feira                    Rua Cacilda Becker, s/nº
Hortolândia        Terça – feira                       Rua Mons. Emílio José Salin, 110
Ivoturucaia         Terça – feira                       Rua Profª Valderez A. C. C. Lopes, 210
Jardim do Lago Quinta – feira                    Rua Filomena Ricci, 89
Jundiaí Mirim    Quarta – feira                    Rua Fulgêncio de Godoy, 67
Maringá               Quarta – feira                    Rua Casimiro de Abreu, 57
Marlene              Quarta – feira                    Rua Balbina Miguel Casoni, 275
Morada das Vinhas Sexta – feira               Rua Uva Niágara ( Antiga Avenida A ), S/Nº
Novo Horizonte Quarta – feira                   Rua José Ribeiro Barbosa, 20
Pitangueiras       Quarta – feira                    Rua Itália, 91
Rami                     Sexta – feira                       Rua Cica, 1345
Retiro                   Terça – feira                       Rua Maria Lúcia de Almeida, 100
Rio Acima           Segunda – feira                Avenida Geraldo Azzoni, 11 (Próximo à CEVAL)
Rio Branco          Quarta – feira                    Rua Helio Antonio Lucena, 100
Rui Barbosa        Sexta – feira                       Rua Antonio Zandona, 944
São Camilo         Quinta – feira                    Rua Pedro Ravanhani, 298
Sarapiranga        Sexta – feira                       Rua Antonio Rodrigues, s/nº
Gertrudes           Quarta – feira                    Rua Alice Guimarães Pelegrini, 780
Tamoio                Segunda – feira                Rua Orestes Barbosa, s/nº
Tarumã                Quinta – feira                    Rua Rio de Janeiro, 980
Traviú                   Segunda – feira                Rua Paulino Lourençon, 8
Tulipas                 Terça – feira                       Rua Ana Congani Bocalão, 80
Vila Ana               Segunda – feira                Rua Fausto Leonidas Bocchino, 250 – Jardim Paulista