Motorista tenta atropelar PMs e causa acidente em fuga

O motorista de uma Veraneio, placas BQL 1112, de Jundiaí, fugiu de Operação Bloqueio da Polícia Militar na noite de segunda-feira (09), às 21 horas, na avenida Nações Unidas, na Vila Esperança e quase atropelou dois soldados da PM que estavam no local. Houve perseguição ao veículo até a Rodovia Presidente Tancredo Neves, no Jardim Santa Gertrudes, quando o motorista perdeu o controle da direção e bateu de frente contra um Kadett, placas CAD 1519, de Jundiaí. Mãe e filha ficaram feridas e foram socorridas por uma ambulância ao Hospital São Vicente de Paulo. O passageiro da Veraneio, para não ser abordado pelos soldados da PM, se jogou na rodovia com o veículo em movimento e também ficou ferido.

Quatro viaturas da Polícia Militar e equipes da Rondas Ostensivas Com Apoio de Motocicletas (ROCAM) foram mobilizadas para tentar abordar a Veraneio.

O motorista, morador na Vila Popular, em Várzea Paulista, ainda tentou derrubar os soldados das motos que fizeram aproximação e deram ordem de parada, jogando o veículo contra as equipes.

Foram solicitados apoio do Tático Ostensivo Rodoviário (TOR) da Polícia Rodoviária e demais viaturas da região.

Próximo da entrada do Jardim Santa Gertrudes, o motorista da Veraneio bateu de frente contra um Kadett. Mãe e filha ficaram feridas e foram levadas até o Pronto Socorro do Hospital São Vicente de Paulo.

Após ser preso o motorista disse que fugiu do bloqueio da PM porque tinha acabado de consumir cocaína. No exame toxicológico deu ainda embriaguez ao volante.

Levado ao Plantão Policial, o motorista foi indiciado por Lesão Corporal contra mãe e filha do Kadett, mais contra os policiais militares, além de desobediência e dirigir sem ser habilitado.

O delegado Victor Pizzolatti fixou fiança em R$ 15 mil, diante das manobras perigosas no trânsito com a embriaguez, determinando a prisão em flagrante de Edmilson Leandro Vital.

Foto do leitor Rafael Cayres