Ação na Justiça atrasa entrega da UPA do Novo Horizonte

A entrega da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e primeira Clínica da Família, no Jardim Novo Horizonte, terá mais um atraso. Dessa vez o problema é com a Justiça, já que uma das nove concorrentes para gerenciar o projeto entrou com ação.
Após a análise das propostas e habilitação da concorrente, a previsão é de início das atividades em até 60 dias. A expectativa agora da administração é de inaugurar a UPA em agosto deste ano.
A empresa será responsável pela contratação dos médicos, funcionários e realização dos exames necessários para os pacientes.
A UPA Novo Horizonte deverá atender uma região com mais de 140 mil habitantes, desafogando o São Vicente.