Sete pessoas caíram no ‘golpe do motoboy’

A Polícia Civil de Jundiaí alerta os clientes de cartões de crédito para tomarem cuidado com o ‘golpe do motoboy’. De acordo com o agente do 1º Distrito Policial na avenida Nove de Julho, Valdemir Moraes, o “Xororó”, pelo menos sete pessoas já caíram na “armadilha”, nos últimos dias.

O golpe funciona da seguinte maneira: Uma pessoa liga para o dono de cartão de crédito se passando como funcionária da operadora.

Ela diz para o cliente que o cartão foi clonado ou que ocorreram lançamentos indevidos.

Mas o cliente pode ficar tranquilo que ela está bloqueando as cobranças.

Para concluir nos procedimentos, o cliente deve entregar o cartão para um motoboy.

Quando o cliente concorda e dá o endereço de retirada, um motoboy vem buscar.

É aí que a vítima vai cair mesmo em golpe, porque os bandidos passam a fazer compras com o cartão.

As operadoras dos cartões não cancelam as compras indevidas. Elas entendem que os clientes entregaram os cartões para terceiros de livre e espontânea vontade.