Guarda acha estufa de drogas na Pozzani

Uma estufa com maconha foi encontrada por guardas municipais no prédio da antiga Pozzani, no bairro da Ponte São João, em Jundiaí.

Através de denúncia de que invasores usavam o local para consumir drogas, guardas que atuam no Apoio Tático (Belloni, Tártari, Saulo e Damaceno) visualizaram que alguns indivíduos haviam pulado o muro da antiga fábrica de porcelanas na rua Carlos Gomes.

A solicitante, que estava aguardando os guardas, indicou onde estariam os indivíduos.

Durante a averiguação na parte interna da fábrica, os guardas localizaram uma estufa com dois pés da planta e uma porção de sementes Canabis, além de fertilizantes.

Perguntada sobre o plantio, a mulher que reside dentro da fábrica disse que seu filho era usuário de maconha e que seria o responsável pelo cultivo da planta.

O jovem de 19 anos confessou que cultivava a planta para consumo próprio. O jovem, com as plantas, foram levados até o Plantão Policial.

Foi registrada ocorrência com base no artigo 28 da lei de drogas ( Quem adquirir, guardar, tiver em depósito, transportar ou trouxer consigo, para consumo pessoal, drogas sem autorização ou em desacordo com determinação legal ou regulamentar será submetido às seguintes penas: I – advertência sobre os efeitos das drogas; II – prestação de serviços à comunidade);

A ocorrência teve o apoio da viatura de patrulhamento (guardas Rigo e Guilherme) com a coordenação do Subinspetor Carlos Roberto.