Motorista de Monza provoca bate-bate

O motorista de um Monza provocou bate-bate na noite de sábado (21) em Jundiaí. Primeiro o condutor do carro atingiu um CRV na Marginal do Rio Jundiaí, na pista sentido de Várzea Paulista para Jundiaí.

Logo depois, na avenida Bento do Amaral Gurgel, no Jardim Tamoio, o motorista bateu em um Santana, que foi projetado contra outro carro Renault que estava regulamente parado.

Um Fox que vinha atrás acabou batendo também. Ao todo, cinco veículos ficaram danificados.

Populares revoltados queriam bater no motorista do Monza. Duas viaturas da Polícia Militar foram destacadas para a ocorrência.

Uma jovem de 18 anos que estava no interior do Santana ficou ferida e precisou de atendimento médico.

O motorista do Monza aparentava estar embriagado. Ele recusou fazer o teste de bafômetro e foi multado em cerca de R$ 3 mil.

Em seguida o condutor foi levado até o Plantão da Polícia Civil e recusou também fazer coleta de sangue para exame de dosagem alcoólica.

O delegado determinou a realização de exame médico com legista do Instituto Médico Legal (IML) que constatou embriaguez.

Foi determinada também a suspensão por 12 meses do direito de dirigir e apreensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do motorista.

A Justiça deverá fixar uma pena ao condutor.

A família dele pagou fiança para não ser levado para a Cadeia de Campo Limpo Paulista.

Foto do leitor João Vítor