Ladrão é preso pela PM saqueando o Clube Ipiranga

Foi só a diretoria do Clube Ipiranga anunciar o encerramento das suas atividades e bandidos já estão de olho nos materiais deixados no estabelecimento. Na tarde desta terça-feira (21) soldados da Polícia Militar foram avisados pelo telefone 190 de que havia alguém no interior do prédio, furtando objetos.

Com a chegada das viaturas, o indivíduo fugiu tomando rumo da Avenida dos Ferroviários.

Os policiais correram atrás e o marginal foi para a linha férrea e depois atravessou um córrego, se escondendo em matagal até ser preso.

Os soldados Yuri e Colaço foram persistentes nas buscas.

Depois retornaram ao Clube Ipiranga, na avenida São Paulo, e notaram que o marginal pretendia levar cerca de 30 quilos de materiais de alumínio e outros bens do imóvel. O Clube Ipiranga anunciou encerramento das atividades por causa de uma dívida grande. O clube foi fundado há 100 anos.

No 4º Distrito Policial os PMs levantaram a ficha criminal do preso. Ele tem 17 passagens criminais sendo 15 por furtos e duas por tráfico.

Uma lei aprovada pelos deputados em Brasília proíbe a Polícia Militar de divulgar fotos do preso. Mas as vítimas de furtos podem comparecer no distrito policial para verificar o álbum fotográfico, para possível identificação de outros delitos.

Apoiaram os policiais Yuri e Colaço na ocorrência, nas buscas na linha férrea, as equipes das viaturas do Comando de Força Patrulha, do Comando Geral de Patrulha, além das viaturas de área.