Artistas revivem festival “Pão & Poesia” para arrecadar doações

O Sábado de Aleluia foi marcado pelo lançamento de uma campanha virtual inspirada em um festival que fez sucesso nos anos 90 em Jundiaí. Por uma iniciativa de artistas da cidade, voluntários e algumas mídias de comunicação, a campanha “Pão & Poesia Jundiaí 2020 – A Fome de Viver” entrou no ar com o objetivo de oferecer alimentos e produtos de limpeza e higiene para os carentes da cidade, com doações através do Fundo Social de Solidariedade.

O início da campanha foi marcado por uma live, com apresentações de música, teatro, circo, dança e literatura. Outras lives também serão feitas ao longo dessa quarentena, com a participação de artistas voluntários mostrando sua arte de casa, e o público será convidado a fazer doações que serão destinadas ao Fundo Social de Solidariedade.

Quem também esteve na live foi o músico Tom Nando, o Fofão, que apresentou uma canção junto com a filha Cora Maria, no violão. “Com nossa arte, devemos ajudar na manutenção do bem-estar de todos, colaborando mutuamente com o poder público e fazendo Jundiaí andar de mãos dadas. Parece utópico, sim. Mas se não tentarmos, nunca saberemos”, completa.

A iniciativa é inspirada na primeira versão da campanha, que na década de 1990 reuniu mais de 200 artistas em vários anos, teve disco lançado e exposições, chegando a 100 toneladas de alimentos arrecadados em uma única edição. As doações (arroz, feijão, macarrão, farinha, fubá, leite e, produtos de limpeza como álcool, cândida e sabão) devem ser feitas de segunda a sexta-feira das 8h às 17h, na sede do Fundo Social (Av. Manoela Lacerda de Vergueiro, portão 3, anexo do Parque da Uva).