Detran libera 320 mil documentos requisitados via despachantes

O Detran.SP inicia nesta quarta-feira (01/07), uma ação em todo o Estado para a entrega do Certificado de Registro de Veículos (CRV), documento utilizado na transferência. Por conta da suspensão temporária do atendimento presencial nas unidades do Detran.SP, cerca de 320 mil documentos emitidos aguardam para ser retirados.

Por meio de um sistema “drive thru”, para evitar aglomeração, e com agendamento marcado, serão atendidos nesta primeira etapa apenas as solicitações de retirada para despachantes. O processo é aderente ao Plano São Paulo. Todas as cidades que estão na fase laranja e amarela serão contempladas. Com quase 200 mil documentos, esses profissionais possuem hoje cerca 70% do total retido nas unidades do Detran.SP, Ciretran e Poupatempo. Por se tratar de um volume menor e com necessidade de atendimento individualizado, a entrega para pessoas físicas será feita posteriormente.

Para Ernesto Mascellani Neto, novo diretor-presidente do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP), o Governo do Estado trabalha para manter os serviços essenciais mesmo diante da pandemia do coronavírus, através de medidas inovadoras e seguindo protocolos de segurança, para continuar atendendo cada vez mais e melhor a população.

“A utilização do sistema drive thru é um grande passo para a retomada das atividades presenciais. As emissões desses documentos de compra e venda, desde que as unidades foram fechadas, então sendo retidos, não impedindo a circulação do veículo. A medida, reforça a preocupação do Governo, que mesmo com a suspensão temporária de atendimento presencial nas unidades do Detran.SP e postos Poupatempo, não mediu esforços para manter serviços públicos de qualidade e eficiência”, destaca Neto. O processo de agendamento pelos despachantes deve ser feito através do Sistema de Gerenciamento dos Serviços de Cadastro de Registro de Veículos (e-CRVsp), que permite a realização de uma série de serviços. Com navegação intuitiva, basta escolher data e horário e comparecer ao local escolhido com o malote e a documentação requerida. Todos os protocolos sanitários e de distanciamento social serão cumpridos pelos funcionários do Detran.SP. Por isso, não é necessário descer do veículo para ser atendido. O agendamento para entrega e retirada dos documentos será feito de acordo com o horário de atendimento de cada local. Após o recebimento dos malotes, a documentação será avaliada e realizado o contato com os despachantes para a retirada.

Importante te destacar também que com o uso da tecnologia, o Detran.SP ampliou para 60 o número de serviços digitais que podem ser feitos sem sair de casa, pelo portal. E, na semana passada, de forma segura e consciente, autorizou a retomada gradual das atividades dos centros de Formação de Condutores (CFCs), aulas teóricas (remotas) e práticas. A medida beneficiou mais de 50 mil alunos que já haviam iniciado o processo de primeira habilitação e reciclagem.