Motorista é solto após morte de motociclista

Um administrador financeiro de 38 anos, que havia sido preso na noite de domingo (27) depois de causar acidente com a morte do funcionário público municipal Mariano Ferreira Braga, de 58 anos, no Km 80 da Rodovia Vereador Geraldo Dias, no bairro Niero 3, em Louveira, foi solto e vai responder processo em liberdade.

Segundo declarações de uma motorista, ela reduziu a velocidade na lombada. O motorista de um ASX Mitsubishi desviou em alta velocidade do carro dela e foi para a contramão de direção, atingindo de frente a moto.

Após o acidente o administrador tentou fugir do local, rodando por cerca de 60 metros, até o carro falhar.

A Guarda Municipal de Louveira foi ao local e constatou que o motorista estava exalando forte odor etílico e não conseguia se comunicar.

Ao ser informado de que seria levado para a Delegacia de Polícia Civil, houve resistência e foi necessária intervenção da equipe, inclusive algemando o administrador.

Ele foi conduzido até o Distrito Policial, se recusando a fazer teste de bafômetro, mas concordou em ceder sangue para exames toxicológicos.

Logo depois de ter sido apresentado na Delegacia, chegou a informação da Santa Casa de Louveira de que o Mariano havia falecido.

Diante dos fatos o delegado Tiago Vieira Oliveira determinou a prisão em flagrante do administrador financeiro e apreensão do carro dele, além da realização de perícia da Polícia Científica de Jundiaí, para o inquérito policial.

Porém, o administrador foi solto e responderá o processo em liberdade.

A testemunha do acidente deixou o local após os fatos e a Polícia Civil não conseguiu encontrá-la, para ajudar no processo.

Foto de R. Santos – Folha Notícias