Empresa pede para funcionários usarem Ouvidoria

O “Jornal da Região” publicou um vídeo de protesto do Sindicato dos Trabalhadores em Telecomunicações na porta do Complexo Vulcabrás, em Jundiaí, onde funciona a empresa de telemarketing Almaviva.

O Sindicato denunciou por meio de panfletos que trabalhadoras vinham sofrendo pressões de encarregados, proibidas de ir ao banheiro, corte de folgas e outros problemas internos.

A empresa respondeu e pede para os trabalhadores entrarem em contato com a Ouvidoria interna, para denúncias:

“A AlmavivA do Brasil informa que cumpre estritamente as leis trabalhistas vigentes no país e mantém um canal aberto de comunicação com o Sindicato dos Trabalhadores em Telecomunicações no Estado de São Paulo (Sintetel). Ressalta ainda que, por prezar o diálogo contínuo com seus profissionais, possui uma ouvidoria interna para que relatem comportamentos tidos como impróprios.”