Menina de 13 anos apreendida por ‘boca de urna’ para irmã de prefeito

Uma adolescente de 13 anos foi apreendida pela Polícia Militar de Louveira neste domingo (15), por realizar boca de urna na distribuição de ‘santinhos’ da candidata a vereadora e irmã do prefeito Júnior Finamore, Cleide Finamore (PTB) e Hélio Braz (PTB) para prefeito.

O fiscal do PSD, do candidato a prefeito  Estanislau Steck, o comerciante Edilson Crupe, disse que observou o “trabalho” da adolescente na avenida Ricieri Chiqueto. Ele filmou e tirou fotos, como prova e chamou a Polícia Militar.

Edilson conversou com a garota e ela disse que estava precisando de dinheiro porque está passando por dificuldades em casa e não sabia que era proibido entregar panfletos.

A menina indicou um homem, que confirmou ter recebido os panfletos da irmã do prefeito. Ela teria deixado o local após o incidente e a Polícia não teve como colher o depoimento dela.

Os policiais militares apuraram que a menina receberia R$ 115,00 e mais marmitex para um dia de trabalho na distribuição dos panfletos.

Foto de Edilson Crupe