Delegada manda para a Cadeia motorista que atropelou inspetor de tráfego

A delegada do Plantão da Polícia Civil de Jundiaí, Lucimara Taveira Bittencourt determinou a prisão – sem fiança – do motorista que atropelou o inspetor de tráfego de 47 anos da concessionária Rodovias das Colinas, no Km 68 da Rodovia Bispo Dom Gabriel Paulino Bueno Couto, no bairro do Medeiros, na manhã deste domingo (27).

O funcionário da concessionária colocava cones para estreitamento de faixa, quando foi atingido por um Classe A.

O motorista fugiu do local e policiais rodoviários foram avisados e iniciaram buscas pelo trecho de Jundiaí a Cabreúva.

O inspetor de tráfego passou por cirurgia no Hospital São Vicente de Paulo e está em recuperação.

Após buscas na região do Medeiros, o carro foi localizado em um condomínio e o motorista detido.

No teste de bafômetro, horas depois do acidente, constou 0,42 mg de álcool no sangue, o que se supõe que na hora do acidente o nível estava muito mais alto.

A delegada do Plantão da Polícia Civil indiciou o motorista por embriaguez, por causar atropelamento e ainda deixar o local dos fatos, sem comunicar as autoridades para o socorro imediato da vítima.

Após a elaboração do boletim de ocorrência e de ouvir todas as testemunhas, o motorista que é de Jundiaí ficará na Cadeia de Campo Limpo Paulista aguardando decisão da Justiça sobre o seu futuro.

O funcionário da concessionária ficou internado na ala de Ortopedia do Hospital São Vicente e deverá passar por um longo período de tratamento.

Trabalharam na ocorrência o capitão Jivaco com o cabo Juliano; tendo no apoio o cabo Nilton César e a policial Juliana, mais a equipe do sargento Dis e soldados Nogueira e Leal, mais o sargento Correa e soldado Renato.