Número de casos de Covid em dezembro supera 3 meses de pandemia

O Governo do Estado de São Paulo divulgou nesta terça-feira (29) uma “Carta pela Vida”, endereçada aos cidadãos em forma de apelo, para que se cuidem. Em dezembro houve mais casos do que os três primeiros meses do início da pandemia. Veja o documento:

CARTA PELA VIDA

O Centro de Contingência do Coronavírus do Estado de São Paulo é formado por uma equipe de 20 especialistas, entre médicos, cientistas, professores, epidemiologistas e infectologistas, que diariamente acompanham o cenário epidemiológico da Covid-19 e atuam em conjunto com o Governo do Estado de São Paulo com o objetivo primordial de salvar vidas.

 

Os números de casos, internações e óbitos por Covid-19 no mês de dezembro apontam um crescimento da pandemia no Estado. A transmissão da doença retornou com força. O total de novos casos de coronavírus registrado no mês já é seis vezes maior do que em comparação à soma dos três primeiros meses da pandemia. O número de mortes é 60% superior ao total de vítimas fatais entre março e maio.

 

Com o intuito de conter a disseminação do vírus e, por consequência, o número de internações e óbitos, o Centro de Contingência indicou medidas de reforço da quarentena em todo o estado. No próximo final de semana (dias 1, 2 e 3) apenas os serviços essenciais funcionarão. Esta é mais uma ação que busca reduzir a circulação do vírus e controlar a pandemia.

 

O Centro de Contingência e a Secretaria da Saúde do Estado de SP reforçam a importância da manutenção das medidas de proteção, como:

 

1 – Uso de máscaras;

2 – Respeito ao distanciamento social;

3 – Lavar as mãos com água e sabão;

4 – Uso de álcool gel;

5 – Evitar aglomerações.

 

É fundamental que essas medidas sejam adotadas por todos, sem exceção, em um esforço coletivo para salvar vidas.

 

Boa parte das pessoas que transmitem o coronavírus são assintomáticas, por isso festas, encontros sociais e aglomerações devem ser evitadas neste momento. A ação consciente de todos neste período do ano é parte vital na contenção da propagação do vírus.

 

A situação atual exige que redobremos os esforços em favor do bem coletivo. A vacina está próxima, mas enquanto ela não chega a única forma de prevenção depende de cada um de nós. Mais do que nunca é preciso do envolvimento e solidariedade de todos.

 

Centro de Contingência do Coronavírus do Estado de São Paulo e Governo de SP