Morre rapaz baleado em ponto de ônibus

Morreu no Hospital São Vicente de Paulo, em Jundiaí, o funcionário da Magazine Luiza, Lucas Neves Rodrigues, de 30 anos.

Na noite de 21 de dezembro ele esperava pelo ônibus fretado na rua Nipoã, no Jardim América 1, em Várzea Paulista, quando foi baleado na cabeça por homens que estavam em um carro.

Socorristas do serviço de ambulâncias o levaram até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e depois transferido para o Hospital São Vicente de Paulo, em Jundiaí.

Desde esse dia a família dele tenta junto com a Polícia Civil descobrir o que ocorreu e quem é o autor do crime.

Um familiar contou ao “Jornal da Região” que Lucas não fazia nada de mal para ninguém. Só trabalhava e era dedicação ao serviço.

Os familiares pedem para quem é morador da rua que tenha ouvido algo ou visto algo, que ligue no Disque Denúncia. Qualquer informação é fundamental para o trabalho dos policiais.

O próprio delegado de Várzea Paulista, Ruiter Martins da Silva, disse ao jornal que não tem absolutamente nada de informação.

O delegado informou que a Polícia Militar compareceu ao local junto com os peritos da Polícia Científica.

O telefone para denúncias é o 181. Não existe identificador de chamadas, justamente para garantir o anonimato de quem passar informações.