Procon faz pesquisa sobre poder de compra do consumidor na pandemia

O Núcleo de Inteligência e Pesquisas da Escola de Proteção e Defesa do Consumidor do Procon-SP disponibilizou em sua página uma pesquisa para entender como está o poder de compra do consumidor durante a pandemia da covid-19, se possui dívidas em atraso neste momento e sua percepção atual de como estarão as atividades econômicas e sua situação financeira nos próximos seis meses.

Essa pesquisa já havia sido realizada no período de 8/2 a 15/03/2021. Na época, 69,76% das 5.007 pessoas que participaram afirmaram que sua renda individual diminuiu; para 23,93% (1.198,) permaneceu inalterada e somente para 6,31% (316), houve aumento. Veja o resultado completo.

Fernando Capez, diretor executivo do Procon-SP explica que, “o objetivo da segunda pesquisa é justamente fazer um comparativo, para visualizar o que mudou em relação ao poder de compra do consumidor com a retomada das atividades comerciais e a vacinação em massa no Estado de São Paulo contra a Covid-19”.

Ele explica ainda, que “o resultado deve auxiliar a Escola de Proteção e Defesa do Consumidor na elaboração de material educativo, realização de palestras e cursos, com o intuito de ajudar o consumidor a sair da situação de superendividamento, provocada em boa parte dos casos, pela pandemia que já dura 1 ano e meio”.

Acesse aqui e participe da pesquisa.