Restaurantes avisam que vem aí aumento de preços

JOANA CUNHA

(FOLHAPRESS) – Grandes redes de restaurantes afirmam que vinham tentando segurar o repasse do aumento dos custos para os consumidores, mas chegaram no limite com a inflação da alimentação do setor de food service acima de 13% em 12 meses, segundo a ANR (associação de restaurantes).

A entidade, que reúne empresas como McDonald’s e Burger King, diz que não há como definir um padrão de acréscimo, mas as redes estão tentando repassar um valor abaixo da alta dos insumos.

O Bob’s afirma que está ajustando seus preços de acordo com a inflação e o movimento do mercado.

A rede lançou sanduíches de frango com preço abaixo dos lanches de carne bovina.

A empresa também tem feito promoções.

A Bloomin’ Brands, dona do Outback, diz que o desafio está grande com o aumento no preço da carne e dos produtos importados.

A rede promete reajustes aos clientes abaixo da inflação e diz que, para mitigar as altas, tem feito ações de revisão da operação e negociação com fornecedores.