Moradores do bairro Loja da China fazem nova manifestação

Os moradores de loteamento considerado clandestino pela Justiça de Campo Limpo Paulista, no Parque Loja da China, realizaram mais uma manifestação em frente da Prefeitura de Campo Limpo Paulista. Eles reivindicam moradia para cerca de 100 famílias e dizem que não têm para onde ir, sendo que investiram todas as economias nos lotes.

Os moradores foram enganados por exploradores imobiliários e a dona do terreno, a DGL Urbanismo, conseguiu na Justiça a reintegração de posse.

Segundo um leitor, desde o início dessa semana a empresa tem mandado caminhões ao local e pressionado todos a se mudarem. Mas eles dizem que não têm para onde ir.

Um grupo foi até a porta da Prefeitura de Campo Limpo.

A Prefeitura já informou que não pode fazer nada contra decisão judicial de uma área particular.

Na última segunda-feira, dia 20, deveria ter sido iniciado o processo de demolição das casas. Mas a Polícia Militar, por meio do 49º Batalhão alegou que não tinha efetivo suficiente para cumprir a ordem da Justiça.

Após protestos, DGL Urbanismo confirma reintegração de posse na segunda (20)

 

%d blogueiros gostam disto: