Guarda de Cabreúva prende marido que prometeu matar a mulher

Guardas municipais de Cabreúva foram até o bairro do Vilarejo, com um oficial de Justiça, entregar Medida Protetiva para que um homem de 43 anos fique longe da companheira, de 40, devido às agressões e ameaças que ela vem sofrendo.

Ao tomar conhecimento da ordem da Justiça, o homem se tornou violento, disse que vai matar a companheira e não aceita qualquer ordem de juiz.

Os guardas, na tentativa de acalmá-lo, tiveram de usar força moderada e foram arranhados.

Diante dos fatos o indivíduo foi conduzido até o Plantão Policial de Cabreúva, no distrito do Jacaré.

Lá, o delegado determinou a prisão em flagrante do homem pelas novas ameaças contra a companheira.

Mesmo sendo informado de que iria para a Cadeia, ele avisou que saindo do Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista vai atrás da companheira para matá-la, não importando a Medida Protetiva expedida pela Justiça.

A Prefeitura de Cabreúva informa que ainda não possuí abrigo para vítimas de violência doméstica, mas que dará apoio psicológico para a mulher, se ela necessitar.

 

 

 

%d blogueiros gostam disto: