Homem briga com a esposa em Itupeva e segue ela até Jundiaí

A Guarda Municipal de Jundiaí prendeu, na madrugada desta quinta-feira (21), um morador da cidade de Itupeva, depois que ele brigou com a esposa e a seguiu até Jundiaí.

Segundo os guardas, eles faziam rondas pela região da Ponte São João, quando avistaram uma moto seguindo um carro. Houve abordagem e o motociclista disse que o seu carro tinha sido roubado.

Os guardas foram atrás, abordaram o veículo e uma mulher desceu, relatando que estava sendo ameaçada pelo marido e estava fugindo para a casa da mãe dela com os dois filhos, de 11 anos e de 2 meses.

Diante dos fatos os guardas encaminharam o casal e as crianças para o Plantão da Polícia Civil de Jundiaí.

A mulher relatou que desde o nascimento de sua filha há dois meses o marido se tornou agressivo e briga constantemente com ela.

O homem negou todos os fatos e disse que as brigas são ‘normais’ de casais e que a esposa não lhe dá a atenção que necessita, mas gosta dela e da família.

A mulher relatou ao delegado Luiz Gustavo Scaff que o marido se tornou violento e tentou esganá-la por duas vezes na noite de quarta-feira (20). Ela achou melhor a separação do que continuar vivendo sob o medo.

Ela disse que pegou o carro da família, os seus pertences e resolveu ir para a casa de sua mãe em Jundiaí. Mas na estrada e na Avenida Frederico Ozanan foi seguida pelo companheiro, que já tem uma condenação da Justiça por violência doméstica contra a ex-esposa.

Ela manifestou o desejo de uma medida protetiva e quer se separar dele.

O delegado determinou a prisão do marido e encaminhamento dele para o Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista.

O delegado Scaff disse em seu pedido para a Justiça manter o autor preso que ele é violento, como relata a vítima e que ela corre risco se ele continuar solto.

 

%d blogueiros gostam disto: