Jundiaí investe R$ 100 milhões em 46 obras

A Prefeitura de Jundiaí tem atualmente 46 obras em andamento na cidade, nas mais diferentes regiões, como escolas, unidades básicas de saúde, parques, reformas em centros esportivos, galerias pluviais, entre outros. Ao todo, essas obras somam R$ 100 milhões em investimentos.

Entre as 46 em execução, algumas serão entregues ainda este ano, em dezembro. É o caso da EMEB Prof. Joaquim Candelário de Freitas (investimento de mais de R$ 12 milhões), na Vila Hortolândia, do Parque Urbana do bairro Santa Gertrudes (R$ 500 mil), do Parque do Cerrado do bairro Residencial Jundiaí (R$ 301 mil) e da nova arquibancada e vestiários da piscina olímpica do CECE Dr Nicolino de Luca, o Bolão (R$ 2,8 milhões).

 

EMEB Prof. Joaquim Candelário de Freitas, com investimento de mais de R$ 12 milhões, localizada na Vila Hortolândia

“Nosso objetivo é sempre levar serviços públicos de qualidade aos cidadãos nos próprios bairros, próximo das suas residências. As obras respondem às necessidades identificadas pelos moradores, que acompanham a evolução dos projetos dia a dia. São investimentos que impactarão de maneira positiva na vida das pessoas”, explica o prefeito Luiz Fernando Machado. “Nossos investimentos levam em conta áreas-chave, como Educação, Saúde, Segurança e Assistência Social, e levam para dentro dos bairros serviços essenciais, evitando que as pessoas precisem fazer grandes deslocamentos. Na área da Saúde, por exemplo, equipamentos de Pronto Atendimento e no conceito Clínica da Família permitem que boa parte das necessidades das pessoas sejam resolvidas ali mesmo, ajudando a não sobrecarregar os hospitais.”


Outras obras de relevância têm previsão de entrega em 2022, como as da Clínica da Família e do Pronto Atendimento da Ponte São João, orçadas em R$ 8,3 milhões para a construção, e as do prédio da Clínica da Família Hortolândia, que terá uma Unidade de Pronto Atendimento 12h atuando no mesmo complexo. O investimento para a construção do prédio na Vila Hortolândia é de R$ 3,4 milhões.

Nova arquibancada e vestiários da piscina olímpica do CECE Dr. Nicolino de Luca, o Bolão, com investimento de R$ 2,8 milhões

Para acompanhar os projetos e execução dessas obras, Jundiaí conta com uma Unidade Central de Entregas (UCE), ligada à Unidade de Gestão de Governo e Finanças e cujo modelo de governança é o mesmo utilizado na iniciativa privada. “Dessa maneira, damos mais eficiência na ponta e melhores resultados para os munícipes, que recebem a obra ou o serviço dentro do prazo”, observa o gestor de Governo e Finanças, José Antonio Parimoschi. “Além disso, o munícipe conta com importantes ferramentas voltadas à transparência, como o site Observatório Jundiaí, no qual é possível acompanhar a evolução de cada obra,  além de mais de 300 indicadores da cidade, e o Portal da Transparência que mostra o caminho do dinheiro público.”

“Nosso trabalho é integrado a todas as unidades de gestão, com um sistema atualizado sobre o andamento de cada projeto e obra”, explica o diretor da Unidade Central de Entregas, João Amílcar Rodrigues Anhesini. “Toda obra tem um gerente, que é das próprias unidades de gestão. Esse profissional acompanha o dia a dia do projeto e atua para garantir que as entregas sejam realizadas no prazo e com a qualidade que a administração exige.”

Clínica da Família e Pronto Atendimento da Ponte São João, orçados em R$ 8,3 milhões e com previsão de entrega em 2022

Obras já entregues
Segundo dados da Unidade Central de Entregas, de janeiro a novembro de 2021 a Prefeitura de Jundiaí entregou 42 obras nas mais diferentes regiões de Jundiaí, totalizando R$ 66 milhões em investimentos. São construções e reformas em diferentes escolas municipais (como a Aparecida Merino Dias, no Medeiros), em unidades de Saúde (como a Nova UBS São Camilo) e a revitalização de espaços de lazer, como o CECE Romão de Souza, na Colônia.

De 2017 a 2020, foram entregues 146 obras, que totalizam um investimento de R$ 207,9 milhões em Jundiaí. Entre elas, equipamentos de grande porte e relevância, como a UPA e Clínica da Família do Vetor Oeste, o Mundo das Crianças, diversas escolas no conceito Escola Inovadora, o parque Espelho D’Água, no Mato Dentro, e a revitalização do Vale Azul, no Caxambu.

Além desses investimentos serem importantes para aumentar o bem estar das pessoas que moram e vivem em Jundiaí, eles geram centenas de empregos diretos e indiretos e fomentam a economia local.

Clínica da Família e Unidade de Pronto Atendimento no Hortolândia, com investimento de R$ 3,4 milhões para a construção do prédio
%d blogueiros gostam disto: