Roberto Carlos pede para não terem medo do seu show

BRUNO CAVALCANTI

(FOLHAPRESS) – Ao abrir sua temporada de shows em São Paulo na noite desta quarta-feira (27), Roberto Carlos relembrou do episódio em que mandou um fã calar a boca numa apresentação no Rio de Janeiro há cerca de duas semanas.

À plateia do Vibra São Paulo, casa de espetáculos na zona sul, o cantor pediu para os fãs não ficarem tímidos quando chegasse o momento em que ele distribui rosas, ao fim do espetáculo.

“O que eu falei [no Rio de Janeiro] não foi para a plateia. Foi para um cara que ficava me pedindo uma rosa. Quando fico com ‘réiva’, aí já viu.”

Com a plateia ao delírio, rindo da situação, Roberto Carlos encerrou o ato de abertura do show, iniciado com “Emoções”, que levou o público a cantar a plenos pulmões os versos que atravessam gerações “quando eu estou aqui/ eu vivo esse momento lindo”.

Roberto Carlos também se estressou num show cerca de uma semana depois daquele em que mandou o fã calar a boca. Desta vez, o motivo de seu descontentamento foi a aglomeração dos fãs à beira do palco para ganhar rosas.

“Depois do que aconteceu na semana passada, para quem vier pegar as rosas, espera acabar ‘Jesus Cristo’. É que, se não, eu posso estar nervoso. E quando eu fico nervoso… porra! Saiu sem querer, viu?! Meu negócio não é falar. É cantar”, disse ao público, com as risadas meio tortas que fazem a alegria de seus imitadores.

%d blogueiros gostam disto: