JUNDIAÍ

Jovem de 25 anos morre em apartamento, no Eloy Chaves

A estudante de Engenharia Giuliana Christina Silva Pimentel, de 25 anos, que trabalhava como recepcionista na Academia Bahamut, em Jundiaí, morreu na manhã deste domingo (07) no apartamento em que morava, no bairro do Eloy Chaves.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) chegou a ser acionado ao local e o médico constatou óbito. Giuliana morreu de infecção gástrica.

Sua família informou ao “Jornal da Região” que ela sentia algumas dores internas, mas não tinha procurado médico para saber a origem dessas dores.

Achando que estava bem, ela chegou a ir no sábado (06) até um churrasco com amigas de crossfit. Porém, retornou para o apartamento passando mal e vomitando.

Durante a madrugada a amiga que morava com ela relatou que Giuliana passou mal e voltou a dormir.

Pela manhã viu que não acordava e acionou o serviço 192.

O delegado do Plantão da Polícia Civil de Jundiaí, Luiz Gustavo de Almeida Scaff, requisitou o encaminhamento do corpo para exames necroscópicos pelo Instituto Médico Legal (IML), que confirmou as lesões internas no sistema gástrico.

A família decidiu levar o corpo de Giuliana para sepultamento no Piauí.

O responsável pela funerária Osesf, Sebastião Pires, disse que o sepultamento ocorrerá nesta segunda-feira (08), na cidade natal de Giuliana.

Nos últimos dias a cantora Simony veio a público relatar como identificou um câncer no intestino e tem orientado a todos que sentirem qualquer desconforto para procurar atendimento médico.

Simony disse que descobriu em tempo que tinha problemas e passou a fazer quimioterapia.

Os amigos mais próximos da jovem Giuliana lamentaram a perda de uma pessoa tão jovem.