Moradores da Vila Marlene reclamam da falta de segurança

Moradores da Vila Marlene, em Jundiaí, procuraram o “Jornal da Região” para reclamar da onda de furtos e roubos.

Uma moradora contou que estava indo pegar o ônibus e foi assaltada. A outra disse que entraram em sua casa, reviraram tudo e levaram vários pertences de valor. Uma terceira leitora disse que indivíduos estão entrando nas residências em plena luz do dia, mesmo com moradores dentro, em busca de metais e outros objetos.

De acordo com a amiga de uma das mulheres roubadas, a situação está chegando a ficar igual da Ponte São João, onde os moradores não sabem mais o que fazer por causa dos desocupados.

Polícia

Procurado, o delegado do 2º Distrito Policial, Antônio Seleguin Júnior, disse que após pesquisas não foi constatado aumento de ocorrências, “porque os números de BOs não aumentaram”.

O que pode estar ocorrendo é que a população não está registrando as ocorrências, explicou o delegado.

É importante denunciar cada furto ou tentativa na Delegacia ou pela Internet, na Delegacia Eletrônica.

O endereço é o Comunicar Ocorrência – Delegacia Eletrônica (policiacivil.sp.gov.br)

Moradores dizem que não estão vendo viaturas da Polícia Militar passar no bairro, como ocorria há dois anos, quando a presença era constante.

%d blogueiros gostam disto: