Forças de Segurança definem ações contra ‘pancadão’

Um encontro com as forças de segurança da cidade para definir novas ações contra o “pancadão” ocorreu nesta quinta-feira (09), na sede da Guarda Municipal de Jundiaí. Representantes da Guarda Municipal, do 49º Batalhão da Polícia Militar, Agentes de Trânsito, Fiscais do Comércio e Juizado de Menores debateram as medidas a serem adotadas.

Segundo o Comandante da Guarda Municipal de Jundiaí, Inspetor Cláudio Ferigato, as ações são para atender as solicitações de munícipes quanto à ordem social. “Temos muitos pedidos de moradores que estão tendo seus direitos violados. Além disso, o Ministério Público nos encaminhou um relatório de estabelecimentos comerciais na área que compreende o 49º Batalhão da PM que estão atuando de forma irregular”, explica. Os dias e as datas para as ações já foram definidas pelos representantes.

Em janeiro, uma força tarefa envolvendo as forças policiais percorreu diversos bairros da região Sul de Jundiaí. Com reclamações de som alto, dois bares no Jardim do Lago foram fechados, inclusive um deles na Avenida Samuel Martins não tendo o alvará de funcionamento.

A utilização de bebidas alcoólicas para menores de idade também será fiscalizada. Em Jundiaí, agentes de trânsito e policiais militares foram capacitados para utilizar o equipamento de medição de som (decibelímetro).

A integração entre a Prefeitura e a Polícia Militar vai possibilitar a execução da Lei nº 8105/2013, a chamada ‘Lei do Pancadão’ que proíbe o som alto nas ruas da cidade.