Vereadores de Várzea aprovam cortes de árvores

Os vereadores de Várzea Paulista aprovaram emendas que liberam os cortes de árvores no município e reduzem os valores das multas. O vereador Fernando Pasqualino publicou em sua página do Facebook críticas às emendas e diz que elas servem para “loteadores e criminosos”. A grande preocupação de ambientalistas é que a intenção seja liberar a Serra do Mursa para as grandes construtoras interessadas em fazer condomínios na região.

Veja o depoimento do vereador Pasqualino:

“Hoje eu conheci a face mais horrenda do ser humano.

Foi um dia infame para nossa cidade,

Um dia que deveria ser esquecido, que nunca deveria ter existido.

Vi de perto o que a ganância de poucos pode levar a ignorância de alguns a fazer.

Foi aprovado hoje, em sessão extraordinária, emendas em uma lei municipal que facilitam (e muito, mesmo) a destruição do meio ambiente.

Por favor, tenham em mente algumas informações, uma árvore com mais de 5 centímetros de diâmetro na altura do peito (DAP) pode chegar a mais de dois metros de altura, uma árvore com mais de 50 centímetros de DAP pode facilmente ser uma árvore com mais de 100 anos de idade.

Qualquer cidadão que precise remover uma árvore pode fazer a solicitação junto à unidade gestora municipal de meio ambiente. Para tanto terá apenas de fazer uma compensação (plantar um determinado número de mudas) pela árvore abatida.

Para um cidadão comum ter de fazer o plantio de mudas ou doá-las para o município não é um grande problema, haja vista que mesmo alguém que possui uma grande propriedade dificilmente terá de derrubar mais do que duas ou três árvores para determinado fim.

ESSAS EMENDAS BENEFICIAM DIRETAMENTE E SOMENTE LOTEADORES E CRIMINOSOS QUE VISAM DESTRUIR A FAUNA E FLORA DE NOSSA CIDADE COM O ÚNICO OBJETIVO DE LUCRAR.

Vamos as emendas:
(vou colocar uma tabela na foto para facilitar a comparação de como era e como ficou com as emendas)

EMENDA #5
Reduz o número de mudas de árvores que o cidadão deve plantar caso queira derrubar uma árvore em até 75% (compensação que o munícipe deve fazer por exemplar de árvore derrubada).

Esta emenda também LIBERA O CORTE INDISCRIMINADO DE PINHEIROS EM TODA A CIDADE. Só para se ter uma ideia existem mais de 115 espécies de pinheiros do estado de São Paulo, como Cedros e Ciprestes por exemplo e também espécies ameaçadas de extinção como o Abeto e Araucária.

EMENDA #6
Reduz a multa para quem desmatar ilegalmente e criminalmente no município de Várzea Paulista em até 75% do valor.

EMENDA #7
Reduz a multa de poda irregular severa que comprometa a integridade da arvore de 8 UFESP para 3 UFESP.

Um verdadeiro retrocesso, uma verdadeira vergonha. Não sei como quem propôs e aprovou essas emendas consegue dormir, eu não consigo de tanta tristeza, são 3:01 da manhã.

Minha alma pesa por nossas futuras gerações. Deixo minha pergunta, a quem interessa essas emendas, a quem isso irá beneficiar.

Desculpe pessoal, eu tentei, lutei, gritei. Fiz tudo que estava ao meu alcance, simplesmente não foi o suficiente. Sinto muito, que Deus tenha piedade de nossos filhos.”