Tempestade causa problemas em Jundiaí e Várzea

O final de tarde e início de noite desta quarta-feira, dia 29 de novembro foi marcado por uma tempestade que atingiu as cidades de Jundiaí e Várzea Paulista, causando muitos estragos. As avenidas Luiz Latorre, Ferroviários, Nove de Julho e 14 de Dezembro ficaram tomadas por água. Na Vila Rami, ao lado da Havan a via se transformou em rio de lama.

Foram muitas as árvores caídas em Jundiaí, com interdição de avenidas. Houve capotamento no túnel da Ferroviários para o bairro da Ponte São João que mobilizou bombeiros para um salvamento difícil, no meio da enxurrada. Em Várzea Paulista vários bairros ficaram com ruas alagadas e a avenida Bertioga ficou alagada de novo. Confira nas imagens dos leitores do Jornal da Região:

Enxurrada Jardim Primavera

A leitora Simone Loira enviou vídeo da enxurrada no Jardim Primavera, em Várzea Paulista, no final da tarde desta quarta-feira (28).

Posted by Jornal da Região on Wednesday, November 28, 2018

A leitora Simone Loira enviou vídeo da enxurrada no Jardim Primavera, em Várzea Paulista, no final da tarde desta quarta-feira (28).

 

Capotamento Tunel Avenida Ferroviários

Vítima sofreu ferimentos leves em capotamento na Avenida FerroviáriosVídeo mostra o trabalho do Corpo de Bombeiros de Jundiaí no resgate da vítima do capotamento no túnel da ferroviários. O motorista do veículo tentou desviar da motocicleta e acabou perdendo o controle do carro, durante a chuva da tarde desta quarta-feira (28). A vítima foi encaminhada para o Hospital São Vicente apenas com escoriações.

Posted by Jornal da Região on Wednesday, November 28, 2018

Vídeo mostra o trabalho do Corpo de Bombeiros de Jundiaí no resgate da vítima do capotamento no túnel da ferroviários.

O motorista do veículo tentou desviar da motocicleta e acabou perdendo o controle do carro, durante a chuva da tarde desta quarta-feira (28).

A vítima foi encaminhada para o Hospital São Vicente apenas com escoriações.

Avenida Bertioga

Avenida Bertioga em Várzea Paulista totalmente alagadaMais uma vez choveu forte no município e a Avenida Bertioga voltou a ficar inundada, na tarde desta quarta-feira (28). A leitora Cah Dal Santo enviou vídeo de como ficou a via.

Posted by Jornal da Região on Wednesday, November 28, 2018

Avenida Bertioga em Várzea Paulista totalmente alagada

Mais uma vez choveu forte no município e a Avenida Bertioga voltou a ficar inundada, na tarde desta quarta-feira (28). A leitora Cah Dal Santo enviou vídeo de como ficou a via.

 

A imagem pode conter: céu e atividades ao ar livre

Avenida Bertioga virou rio

A avenida Bertioga, em Várzea Paulista, voltou a virar um rio com as chuvas desta tarde. Foto do leitor Ezequiel.

A imagem pode conter: atividades ao ar livre

Queda de árvore bloqueia a Avenida Amélia Latorre, em Jundiaí.

A imagem pode conter: céu, árvore, atividades ao ar livre e natureza

Chuva derruba árvores e arranca fios de postes

O leitor Sidnei Oliveira registrou os estragos da chuva na Avenida Amélia Latorre, no Bairro do Retiro, em Jundiaí, nesta quarta-feira (28).

A imagem pode conter: carro e atividades ao ar livre

Avenida Luiz Latorre fica alagada

Rua Pedro Gutierrez inundada

Rua Pedro Gutierrez fica inundadaA chuva que caiu em Várzea Paulista, no final da tarde desta quarta-feira (28), deixou toda cidade assustada com os alagamentos. O leitor Renato Cabriotti enviou vídeo da Rua Pedro Gutierrez (próximo ao Habibs) inundada e com carros praticamente submersos. Em algumas casas, a água invadiu quintais e garagens.

Posted by Jornal da Região on Wednesday, November 28, 2018

Rua Pedro Gutierrez fica inundada

A chuva que caiu em Várzea Paulista, no final da tarde desta quarta-feira (28), deixou toda cidade assustada com os alagamentos.

O leitor Renato Cabriotti enviou vídeo da Rua Pedro Gutierrez (próximo ao Habibs) inundada e com carros praticamente submersos. Em algumas casas, a água invadiu quintais e garagens.

Avenida BERTIOGA

A seguidora Stefany Oliveira filmou a Avenida Bertioga, em Várzea Paulista, inundada e carros parcialmente submersos, nesta quarta-feira (28)

Posted by Jornal da Região on Wednesday, November 28, 2018

A seguidora Stefany Oliveira filmou a Avenida Bertioga, em Várzea Paulista, inundada e carros parcialmente submersos, nesta quarta-feira (28)

Jardim Bertioga

O Jardim Bertioga em Várzea Paulista ficou inacessível devido ao rio que transbordou e alagou a avenida, no final da tarde desta quarta-feira (28).A leitora Carina Candeu enviou o vídeo.

Posted by Jornal da Região on Wednesday, November 28, 2018

O Jardim Bertioga em Várzea Paulista ficou inacessível devido ao rio que transbordou e alagou a avenida, no final da tarde desta quarta-feira (28).

A leitora Carina Candeu enviou o vídeo.

A imagem pode conter: área interna

Água invade térreo de apartamentos no Morada das Vinhas

A leitora Juliane Cachoeira enviou fotos da água da chuva desta quarta-feira (28), no Bairro Morada das Vinhas. Segundo a seguidora, faltou pouco para a enxurrada invadir os apartamentos.

ônibus alagado

Ônibus fica alagado na Avenida BertiogaPassageiros tiveram dificuldades para sair de um transporte coletivo, no começo da noite desta quarta-feira (28), em Várzea Paulista. O vídeo enviado por Robson Silva mostra a Avenida Bertioga alagada e o ônibus da linha Jundiaí x Jardim Bertioga cheio de água, sendo impossível continuar o percurso. Os passageiros tiveram que caminhar com água na altura da cintura para sair da avenida. Estudantes e trabalhadores se abrigaram no ponto de ônibus para esperar outro recurso ou que a água abaixasse para conseguir chegar em casa.

Posted by Jornal da Região on Wednesday, November 28, 2018

 

Ônibus fica alagado na Avenida Bertioga

Passageiros tiveram dificuldades para sair de um transporte coletivo, no começo da noite desta quarta-feira (28), em Várzea Paulista.

O vídeo enviado por Robson Silva mostra a Avenida Bertioga alagada e o ônibus da linha Jundiaí x Jardim Bertioga cheio de água, sendo impossível continuar o percurso. Os passageiros tiveram que caminhar com água na altura da cintura para sair da avenida.

Estudantes e trabalhadores se abrigaram no ponto de ônibus para esperar outro recurso ou que a água abaixasse para conseguir chegar em casa.