Estoque de vacina pentavalente deve ser regularizado só em novembro

A Vigilância Epidemiológica recebeu a informação de que a distribuição das vacinas Pentavalentes, feita pelo Ministério da Saúde, deve ser regularizada em novembro. A falha na oferta é nacional, e assim que disponibilizada a dose, as equipes das Unidades Básicas de Saúde (UBSs) farão busca ativa de crianças que completaram dois, quatro ou seis meses de idade entre os meses de agosto e novembro para vaciná-las.

De acordo com a enfermeira Maria do Carmo Possidente, a dose protege contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e a bactéria haemophilus influenza tipo b. “A orientação do Ministério da Saúde é para que seja feita a vacinação do público que não teve acesso às doses no período correto, assim que houver a distribuição do imunobiológico. A expectativa é para que o novo lote seja entregue a partir de novembro”, comenta.

A falha, ainda segundo o órgão federal, é decorrência da reprovação no teste de qualidade das doses adquiridas por intermédio da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), realizado pelo Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS) e análise da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

%d blogueiros gostam disto: