Bandeirantes completa 41 anos

A Rodovia dos Bandeirantes (SP-348) acaba de completar 41 anos de inauguração. Ela, que é uma das melhores rodovias do Brasil, tem muitas histórias para contar e números que impressionam.

Concebida a partir do conceito de autoestrada, a Rodovia dos Bandeirantes conta com geometria, ângulo de curvas e traçados que favorecem o tráfego de longa distância com conforto, fluidez e segurança.

Desde 1º de maio de 1998 a rodovia é administrada pela CCR AutoBAn, dentro do 1º lote do Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo.

Nestes 21 anos, já foram investidos cerca de R$ 3,2 bilhões (base: julho/2019) em obras e melhorias.

A Rodovia dos Bandeirantes possui atualmente 159,7 quilômetros de extensão e liga a Marginal Tietê, em São Paulo, a Via Anhanguera (SP-330), em Cordeirópolis, passando pelas regiões de Jundiaí e Campinas.

Atualmente cerca de 500 mil viagens são realizadas diariamente na rodovia.

Dados técnicos da Rodovia dos Bandeirantes (SP-348)

  • 159,7 quilômetros de extensão – km 13+360 ao km 173+032.
  • Liga a Marginal Tietê, em São Paulo, à Via Anhanguera (SP-330), em Cordeirópolis.
  • 500 mil viagens/dia.
  • Rodovia dos Bandeirantes cruza 13 municípios: São Paulo, Caieiras, Cajamar, Franco da Rocha, Jundiaí, Vinhedo, Itupeva, Campinas, Hortolândia, Sumaré, Santa Bárbara D’Oeste, Limeira e Cordeirópolis.
  • R$ 3,2 bilhões (base: julho/2019) em investimentos realizados desde 1998 pela CCR AutoBAn