Justiça solta autor de homicídio em Cajamar

Um balconista, que matou com golpes de faca o estudante Weslei Souza da Silva, de 26 anos, na última sexta-feira (11), no Posto Ipiranga do Km 38 da Via Anhanguera, em Jordanesia (Cajamar), foi solto após audiência de custódia.

De acordo com o Tribunal de Justiça do Estado em audiência de custódia realizada no plantão foi concedida ao averiguado o benefício da liberdade provisória, com medidas cautelares, com a expedição de alvará de soltura.

Foi cumprida a determinação lançada em audiência de custódia para a elaboração do Termo de Advertência em favor do averiguado, o qual compareceu em cartório para cumprimento, sendo realizado o ato.

Os autos foram encaminhados ao Ministério Público para conhecimento e manifestação.

O autor do crime se apresentou às autoridades policiais e confessou o crime na mesma hora em que esfaqueou a vítima, sendo preso pela Guarda Municipal com flagrante feito na Delegacia de Jordanésia.

O autor alegou que a vítima o encarava muito toda vez que vinha na loja de conveniência. Amigos relataram que ele chegou a ser ameaçado pela vítima, o que os amigos da vítima negaram.

Segundo o Instituto Médico Legal (IML) de Franco da Rocha, a vítima morreu com cinco golpes de faca.

Anúncios