Motoristas de aplicativos fazem protesto

A Associação dos Motoristas de Aplicativos de Jundiaí (Amajur) participou de protesto na Câmara de Vereadores de São Paulo.

O vereador Adilson Amadeu propõe a mudança na lei 419/18. Pelo projeto ele quer limitar o número de motoristas de 500 mil para 40 mil, igualando aos táxis. Também quer proibir motoristas de aplicativos de pegarem passageiros em Aeroportos e Terminais Rodoviários.

O presidente da Amajur, Djan Schettino, disse que é um retrocesso esse projeto. Após três horas de sessão os vereadores resolveram adiar a votação para a próxima semana.

Uma outra exigência do projeto de lei é a obrigatoriedade da utilização de carro próprio, proibindo a locação. O vereador justificou que os motoristas não recolhem IPVA quando usam carros de locadoras.

%d blogueiros gostam disto: