182 galos participavam de rinha em Mairiporã

Policiais da Delegacia Seccional de Franco da Rocha fecharam, na tarde de domingo (15), um imóvel utilizado para a realização de rinha de galos em Mairiporã.

Dez apostadores e o organizador do evento foram detidos. A equipe conseguiu resgatar 181 galos vivos.

Os policiais pertencentes ao Setor de Investigações Gerais (SIG), da Seccional, receberam uma denúncia que na área rural do município era realizada a competição criminosa. Foram encontrados 182 galos, sendo um deles morto. Também houve a apreensão de R$ 6,099; troféus, tesouras, medicamentos, seringas e outros objetos usados nos eventos.

Já na casa do organizador, os policiais apreenderam uma espingarda, sem numeração, e sete munições. Todo material foi encaminhado para perícia. Os galos foram levados para um abrigo de animais.

O organizador responderá pelos crimes de maus tratos a animais, posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso registro e porte de arma com identificação adulterada. Ele ficou à disposição da Justiça e os demais foram autuados por contravenção penal e foram liberados.