Isolamento social vai continuar em Jundiaí

O prefeito de Jundiaí, Luiz Fernando Machado, anunciou na manhã deste sábado (04) que as medidas de isolamento social vão continuar na cidade.

Ele disse que o comércio terá de esperar pelo menos 10 dias, porque a “curva” é crescente de pessoas infectadas.

O prefeito disse que houve aumento de 129% na procura aos hospitais do município, em relação ao mesmo período do ano passado. Também comentou que 21 pessoas já estão internadas no Hospital São Vicente de Paulo utilizando respiradores. A capacidade da UTI Covid-19 está em 46%.

Luiz Fernando comentou que o critério do Ministério da Saúde é do isolamento e não vê a mínima possibilidade de reabertura dos demais comércios na cidade, exceto os essenciais.

Por causa da “curva” subindo, as aulas na rede municipal só voltam no dia 04 de maio.

De 6 a 20 de abril haverá aulas à distância. De 22 de abril a 3 de maio, será o recesso de julho antecipando as férias.

Em outubro, de 12 a 16, haverá pequeno recesso e, o ano letivo termina em 22 de dezembro.

“Me ajudem nessa missão”, comentou Luiz Fernando, pedindo à população que se proteja e mantenha distância social. Ele disse que há muita gente na rua ainda.

Redução de Salários

O prefeito Luiz Fernando Machado também anunciou a elaboração de projeto de lei reduzindo os salários dele, do vice, dos secretários, diretores e cargos em comissão, de até 30%.