Artesp proíbe Rápido Luxo de transportar passageiro em pé

A Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp) multou, nesta segunda-feira (27), a empresa Rápido Luxo Campinas por transportar passageiros em pé, na linha de Campo Limpo Paulista para Jundiaí. Enquanto vigorar o decreto do governador João Doria, da quarentena, só podem ser transportados – na linha intermunicipal – passageiros sentados. Os próprios passageiros foram surpreendidos com a fiscalização e tiveram de descer dos coletivos na Marginal do Rio Jundiaí e esperar outro carro para transportá-los para Jundiaí.
A Artesp enviou nota ao “Jornal da Região” esclarecendo que o novo protocolo proíbe a viagem de passageiros em pé nessas linhas feitas pela Rápido Luxo Campinas na região de Jundiaí.
A empresa de ônibus informou que foi pega de surpresa. Informou que houve queda de até 80% no número de passageiros transportados e em alguns horários do dia faz viagens com carros vazios. A Rápido Luxo diz que está passando por dificuldades financeiras, devido à crise sem precedentes e os custos do sistema se tornaram elevados. A empresa sugere aos prefeitos e até empresas da região de Jundiaí que adotem horários escalonados para os trabalhadores, a fim de evitar a utilização dos ônibus no mesmo horário. O Rio de Janeiro é apontado como um exemplo de alternativa para os transportes, evitando aglomerações.
Nota da Artesp
A fiscalização realizada pela ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) aos ônibus da empresa Rápido Luxo Campinas que fazem a linha Jundiaí – Campo Limpo Paulista nesta manhã vistoriou oito veículos e flagrou cinco deles realizando transporte de passageiros em pé.
No transporte suburbano, de acordo com a legislação, é permitido a viagem de passageiros em pé, mas devido à medidas adotadas pelo Governo do Estado visando reduzir os riscos de contágio pelo coronavírus, a ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) adotou protocolo que proíbe a viagem de passageiros em pé mesmo nessas linhas.
A empresa foi autuada por essa irregularidade e também pela suspensão no atendimento à linha entre Jundiaí e Campo Limpo Paulista via Rodovia D. Pedro – a empresa estava atendendo somente as linhas via Marginal Jundiaí e via Santa Lúcia. E notificou a empresa a retomar o itinerário via Rodovia D. Pedro.
A Artesp orienta os passageiros a fazerem denúncias pelo telefone 0800 727 8377.
Foto da leitora Érica