Jundiaí registra 310 casos positivos com testes em massa

De modo a prevalecer o princípio da transparência no acesso às informações de interesse público, a Prefeitura informa que, nesta terça-feira (12), Jundiaí registra 310 casos positivos de Coronavírus, entre 101 que estão em casa em recuperação, 151 recuperados, 35 internados entre Jundiaí e outras cidades e 23 óbitos confirmados para COVID-19. Vale destacar que o aumento dos casos ‘positivos em casa’ é derivado da ampliação dos testes rápidos da rede privada e pública, encaminhados para a Vigilância Epidemiológica (VE), não necessariamente registrados nas últimas 24 horas.

A cidade contabiliza 58 casos suspeitos no aguardo de resultado, entre 29 aguardando em casa, 18 aguardando resultado internados e 11 óbitos.

Em internações, Jundiaí registra 33% de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pública com uso de respirador e 69% de ocupação de leitos de UTI na rede privada com pessoas com diagnóstico prévio de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG).

Os 11 óbitos por SRAG com suspeita de COVID-19 aguardam laudos de exames. Desde o início da apuração, 39 óbitos foram descartados para COVID-19, de um total de 256 casos descartados.
Familiares dos casos suspeitos identificados estão devidamente orientados pelas equipes de Saúde com relação às medidas preventivas para evitar contágio, como uso de máscaras, higienização das mãos e não compartilhamento de objetos de uso pessoal.

O Prefeito Luiz Fernando Machado decretou estado de Calamidade Pública para a cidade, (decreto 28.926, 24 de março de 2020) na Imprensa Oficial do Município, ampliando a restrição de fluxos, suspendendo cobranças e determinando a suspensão de atividades de setores não essenciais, com o objetivo de reduzir a disseminação do vírus entre a população.

PREVENÇÃO
Desde o início dos alertas da Organização Mundial de Saúde (OMS), a Prefeitura de Jundiaí desenvolve o Plano de Ação contra o Novo Coronavírus, com treinamento dos profissionais – tanto do setor público quanto privado -, orientação ao público por canais de comunicação, bem como a atuação em vigilância preventiva nos equipamentos de Saúde, públicos e particulares.