“Lockdown” está iminente, revela Doria

Por Cícero Cotrim e Maria Regina Silva

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), disse nesta segunda-feira, 18, que Executivo já trabalha com um protocolo de “lockdown”, ou isolamento total, mas que sua adoção não deve ser imediata. Em entrevista à rádio CBN, o tucano afirmou que a medida pode ser evitada caso o índice de isolamento no Estado fique, em média, em 55% da população.

“Dia a dia nós avaliamos a possibilidade do ‘lockdown’, mas é importante ressaltar que temos disponibilidade de leitos de UTI, temos hoje uma nova aquisição de respiradores”, disse o governador paulista.

De acordo com Doria, as medidas de isolamento social adotadas em São Paulo já fizeram grande efeito para reduzir o número de casos e de mortes em decorrência da covid-19. O governador afirmou que, caso o distanciamento não tivesse sido realizado a partir da segunda quinzena de março, o Estado já teria “mais de 45 mil mortes”, contra as 4.782 registradas até agora.

 

QUARENTENA

FLEXIBILIZAÇÃOFuncionários da Havan pedem reabertura da lojaUm grupo de funcionários da Havan foi na Prefeitura de Jundiaí na manhã desta segunda-feira (18). Eles pediram flexibilização da quarentena, para reabertura da loja. Duas ações na Justiça contra a Prefeitura impedem a reabertura do comércio e a cidade fica dependendo de uma decisão do governador João Doria, que prorrogou a quarentena até o dia 31 de maio.

Posted by Jornal da Região on Monday, May 18, 2020