Prefeitos discutem decreto de flexibilização por videoconferência

Uma videoconferência na manhã desta sexta (29) reuniu prefeitos e representantes de municípios da Aglomeração Urbana de Jundiaí (AUJ) para discutir as diretrizes que envolvem o Plano São Paulo de retomada econômica. De acordo com o documento estadual, as setes cidades da Aglomeração Urbana de Jundiaí devem seguir os regramentos específicos da Fase 2 para a formulação dos decretos municipais.

O cumprimento aos protocolos sanitários e outros regramentos, que resguardam o equilíbrio da proteção à vida e a retomada da atividade econômica, foi o ponto central da reunião conduzida pelo prefeito de Jundiaí e presidente da AUJ, Luiz Fernando Machado. Além dos serviços essenciais, cinco segmentos comerciais específicos têm permissão para funcionamento nos municípios da região.

Prefeito Luiz Fernando e os gestores de Governo e Finanças, José Antônio Parimoschi, e Gustavo Maryssael, da Casa Civil: alinhamento com os prefeitos

 

“O alinhamento regional é necessário tendo em vista a proximidade entre os municípios e o reflexo que uma reabertura desordenada poder causar para a rede hospitalar de Jundiaí, por exemplo”, afirma o prefeito. “Para o êxito desta nova etapa, vamos estabelecer a responsabilidade compartilhada entre a Prefeitura, o setor empresarial e a população”, destaca.


O decreto da Prefeitura de Jundiaí tem publicação prevista para esta sexta-feira (29). Segundo o governador João Doria, às 15 horas o Palácio dos Bandeirantes mandaria para as prefeituras os rascunhos de como devem ser os decretos municipais, para serem adaptados por zonas.

Participaram da videoconferência os prefeitos Juvenal Rossi (Várzea Paulista), Nicolau Finamore Junior (Louveira), “Marcão” Marchi (Itupeva), Japim de Andrade (Campo Limpo Paulista) e Eliane Lorencini (Jarinu), além da chefe de gabinete Gisele Nogueira Sasso, como representante do município de Cabreúva. Pela Prefeitura de Jundiaí, os gestores José Antonio Parimoschi (Governo e Finanças), Thiago Maia (Inovação e Relação com o Cidadão) e Gustavo Maryssael (Casa Civil).

%d blogueiros gostam disto: