GATE liberta reféns em apartamento

A Polícia Militar prendeu um homem, de 39 anos, que agrediu e ameaçou a ex-esposa e manteve em cárcere privado o enteado, de 15 anos, e o próprio filho, de 5.

A ação aconteceu, nesta sexta-feira (12), no município de Salto de Pirapora.

Uma equipe do 40º Batalhão de Polícia Militar do Interior foi acionada e diligenciou até o local, onde flagrou o autor embriagado e exaltado.

A partir de então, ele manteve-se calado por cerca de 1h30 até a chegada de militares do Batalhão de Operações Especiais – Gate.

Os PMs da unidade especializada subordinada ao 4º Batalhão de Policiamento de Choque (BPChq), conseguiram contato e iniciaram a verbalização a fim de que o acusado liberasse as crianças e posteriormente, se entregasse para que fosse resolvida a situação.

Infelizmente, após cerca de mais 1h30 de negociação, o homem ainda se negava em abrir a porta. Dessa forma, o gerente da crise determinou à equipe secundário a entrada silenciosa no imóvel, por meio de rapel, pela janela do cômodo onde os meninos estavam.

Foi iniciado então o procedimento para extração do adolescente, que desceu em segurança, guiado por um operacional do Gate. Em seguida, a criança desceu ancorada ao policial, sendo que toda a ação foi monitorada por snipers, garantindo a segurança das equipes e reféns.

Ao perceber a movimentação da PM, o homem se exaltou. A equipe orientou taticamente o posicionamento do acusado e iniciou a contagem para a invasão tática. Após cinco segundos, a equipe abriu a porta do apartamento com explosivo e entrou no imóvel.

O homem foi contido com o uso de arma de incapacitação neuromuscular e elastômero. Ele foi preso em flagrante e responderá por tentativa de homicídio qualificado (feminicídio), violência doméstica e sequestro e cárcere privado. A ocorrência foi registrada no plantão policial de Votorantim e será encaminhada à Delegacia Policial de Salto de Pirapora, que prosseguirá com as investigações.

 

Texto de Paula Vieira, com informações da Polícia Militar