Galpão de Louveira tinha centenas de peças de carros

Após denúncia anônima de que um galpão abandonado no Bairro Ponte Preta, em LOUVEIRA, abrigava centenas de peças de carros, com suspeita de desmanche, a Polícia Civil de LOUVEIRA, junto com a Guarda Municipal (GM) foram até o local.

Sob o comando do delegado titular José Mário de Lara, os policiais e guardas constataram que as peças, entre motores, portas, capôs e painéis de automóveis, não possuíam nota fiscal.

Alguns que tinham nota eram produtos de leilões, e vendidos no mercado de auto peças da região como novos ou seminovos.

Dois homens que estavam trabalhando no local, que fica no meio de um matagal, foram detidos, e depois de averiguação do fato, um deles foi preso por receptação.

As investigações continuam, pois a Polícia suspeita que o galpão seja utilizado para depósito de uma quadrilha especializada em produtos veiculares furtados, e de peças adquiridas de forma irregular em leilões.

(Texto: José R.Silva – Da Redação #FOLHANOTICIAS/Imagens:R.Santos)

%d blogueiros gostam disto: