Banco do Povo já concedeu este ano 70% mais créditos esse ano

Somente no primeiro semestre deste ano, o Banco do Povo em Jundiaí já liberou mais de R$ 751 mil em créditos para empreendedores, um acréscimo de 70%, em relação aos pouco mais de R$ 440,5 mil disponibilizados ao longo de todo o ano de 2019. A assinatura de contratos também aumentou: foram assinados 65 até junho deste ano, ante aos 61 firmados em todo o ano passado.

Para o diretor do Departamento de Fomento ao Comércio e Serviços da Unidade de Gestão de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (UGDCT), Júlio Durante, números revelam o perfil do empreendedor no Município.

O fornecimento de crédito é um dos pilares do programa Jundiaí Empreendedora, como parte dos esforços da Prefeitura e de outros agentes, como o Sebrae e a Associação Comercial e Empresarial (ACE) para fomentar o empreendedorismo durante a pandemia. “Os dados comparativos demonstram o cumprimento desse papel e do perfil do empresariado em Jundiaí, que tem clareza quanto à importância do crédito neste e vem à sua procura”, argumentou Júlio Durante.

O Banco do Povo é um programa de microcrédito produtivo desenvolvido pelo Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, com recursos liberados pela Caixa Econômica, com o objetivo de promover o desenvolvimento socioeconômico e a criação de oportunidades. Criado em 1997, chegou a Jundiaí dois anos depois.

“Com agilidade, o Banco oferece acesso facilitado a todas as linhas de créditos do mercado, com juros mensais de 0,35% ao mês, taxa que ninguém oferece. Desde 2017, como orientação do programa de governo do prefeito Luiz Fernando Machado, temos trabalhado com o crédito produtivo como um de nossos alicerces, com facilitadores para o seu fomento, como a contratação de novos agentes de crédito para atendimento e a transferência, em 2018, da agência para o Poupatempo, local mais amplo e acessível”, explica Júlio.

Sem a modalidade presencial, as atividades da agência não foram interrompidas, por meio de operação eletrônica e atendimento pelo telefone (11) 4589-8890, das 8h às 17h.

Anúncios