Funcionário da Prefeitura de Itatiba foi morto com 20 golpes de faca

A Polícia Civil de Itatiba abriu inquérito para apurar o homicídio do qual foi vítima o servidor público da Prefeitura da cidade, Flávio Augusto Vicentini, de 44 anos, na Vila Penteado, na madrugada desta segunda-feira (07).

A esposa da vítima relatou à Polícia que havia tomado medicamento para dormir e acordou de madrugada com latidos de seu pitbull “Zeus”, que dormia com ela no quarto. Ela ouviu barulho como se alguém estivesse no interior da residência arrastando móveis e resolveu ligar no 190 da Polícia Militar.

A mulher disse que a PM estava demorando para atender a ligação e então resolveu ligar para o Corpo de Bombeiros, que encaminhou uma viatura junto com a Guarda Municipal.

Quando os guardas chegaram viram a vítima ferida com muitos golpes de faca, sendo cerca de 20 perfurações.

Os bombeiros constataram óbito no local e requisitaram a presença de peritos da Polícia Científica.

O corpo do funcionário do almoxarifado da Prefeitura de Itatiba foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Jundiaí, para ser necropsiado.

A mulher foi levada para a Delegacia de Polícia Civil para prestar esclarecimentos.

Segundo depoimento da mulher para os policiais civis, o marido não tinha qualquer problema, pelo que ela acredita, com ninguém. Mas disse que a sua casa era frequentada por muitas pessoas, que iam falar com o marido.

Nas redes sociais várias pessoas de Itatiba relembraram de Flávio como sendo um homem trabalhador, que ajudava a todos.

A Polícia Civil não tem qualquer suspeito do crime. Se alguém tiver informações que possam ajudar nas investigações pode ligar no telefone 181 do Disque Denúncia.

%%footer%%