Leitor reclama da fila de espera nos Correios

O leitor do “Jornal da Região”, Pedro Gonçalves dos Anjos, reclama da fila de espera na calçada da agência da rua Petronilha Antunes, no Centro de Jundiaí.

Ele disse que os clientes têm de esperar na rua, faça chuva ou faça sol. Não existe um pré-atendimento para agilizar o despacho de encomendas. Pedro disse que o ideal seria a privatização logo dos Correios.

Resposta dos Correios

Os Correios lamentam eventuais transtornos e informam que a agência em Jundiaí está funcionando normalmente, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, com disponibilização de todos os serviços. Vale lembrar que, para a proteção de empregados e clientes, a empresa realiza o controle do fluxo de atendimento da unidade, com a demarcação de espaço para respeitar o distanciamento recomendado. Além disso, empresa está atuando com força de trabalho reduzida devido à iniciativa de redirecionar aqueles classificados como grupo de risco para o trabalho remoto. Tais medidas podem ocasionar impactos pontuais no serviço e filas em determinados horários, porém, o atendimento ao público permanece sendo realizado.

Especificamente em Jundiaí, conforme nota da Prefeitura Municipal disponível neste link, as regras sanitárias permanecem em vigor na cidade, com a disponibilização de álcool em gel, distanciamento e uso de máscara. Os Correios disponibilizaram a todos os empregados álcool em gel e máscaras laváveis, squeeze para os funcionários da área de distribuição, instalaram painéis de acrílico em guichês de atendimento e nos centros operacionais e promoveram a reorganização das estações de trabalho, para manter o distanciamento recomendado.

Neste período de pandemia, os Correios tiveram um aumento significativo no volume de postagens de encomendas, especialmente em razão do crescimento das compras e vendas pelo e-commerce.

Os Correios seguem trabalhando para viabilizar, com segurança e de forma transparente, a continuidade de suas atividades, essenciais para atender a população nesse momento em que mais precisa. A empresa permanece à disposição pelos telefones 3003-0100 (capitais e regiões metropolitanas) e 0800 725 7282 (demais localidades), ou pelo Fale Conosco, no site www.correios.com.br.

%%footer%%