Brasil chega a 200 mil mortos por Covid

O Ministério da Saúde lamentou, nesta quinta-feira, o fato de o Brasil ter atingido o número de 200 mil mortes pela covid-19. O ministério lembra que o Brasil já registra 7.096.931 milhões de pessoas curadas da Covid-19. No mundo, estima-se que pelo menos 29 milhões de pessoas diagnosticadas com Covid-19 já se recuperaram. O número de pessoas curadas no Brasil é superior à quantidade de casos ativos (664.244) que são os pacientes em acompanhamento médico. O registro de pessoas curadas já representa a grande maioria do total de casos acumulados (89,1%). As informações foram atualizadas às 17h30 desta quinta-feira (07/01) e enviadas pelas secretarias estaduais e municipais de Saúde.

“Em nome do Presidente da República, Jair Bolsonaro, do Ministério da Saúde e de todo o Governo Federal, queremos nos solidarizar com cada família que perdeu entes queridos”, diz a Pasta em nota oficial divulgada em sua página na internet.

Conforme o Estadão/Broadcast noticiou mais cedo, o Brasil superou nesta quinta a marca de 200 mil mortos pelo novo coronavírus.

Segundo levantamento feito pelo consórcio de imprensa junto às secretarias estaduais de saúde, até as 17h de hoje, foram registradas 200.011 mortes.

“Para nós, servidores do Ministério da Saúde, não é um momento só de pesar. É também momento de reflexão e de unir forças, para que todos os dias possamos trabalhar empenhados na solução dessa pandemia”, diz a nota, que completa que a Pasta está trabalhando “incansavelmente, acompanhando pesquisas científicas e reforçando diálogos entre o Brasil e outros países para garantir vacinas seguras e eficazes à população”.

Na nota, o ministério agradece e reconhece ainda o empenho e força dos profissionais de saúde, destacando que o trabalho deles permitiu que mais de 7 milhões de vidas no País fossem salvas – o número corresponde aos recuperados da covid-19.

“Com a união de todos os setores, como empresas aéreas, forças armadas, empresas do setor privado, público, e de todo o Governo Federal, bem como de voluntários que se colocam todos os dias disponíveis para continuar a salvar mais vidas, o Ministério da Saúde prepara o lançamento da maior campanha de vacinação para combate ao coronavírus, a fim de evitar a perda de mais vidas”, diz a nota, que encerra com as seguintes frases: “Brasil imunizado. Somos uma só nação!” (Equipe AE)

CNJ e STJ lamentam mortes

“Manifesto profundo pesar pelas mais de 200 mil mortes registradas no Brasil até esta quinta-feira (7) em razão da Covid-19.

Em nome do Poder Judiciário brasileiro, me solidarizo com as famílias e amigos das vítimas desta pandemia que assola o país e o mundo.

O Supremo Tribunal Federal e o Conselho Nacional de Justiça continuarão, como vêm fazendo desde o início da pandemia, atuando para ajudar a sociedade brasileira a mitigar danos e impactos desta tragédia humanitária.

Ministro Luiz Fux
Presidente do Supremo Tribunal Federal e do Conselho Nacional de Justiça”

Foto: Gil Ferreira/CNJ