Leitora reclama de água suja em Várzea Paulista

A leitora do “Jornal da Região”, Alessandra Silva, da rua Kermell Saff, no Jardim Primavera, em Várzea Paulista, reclama da água suja que sai da torneira. Ela disse que o problema é constante e começou há pelo menos dois meses.

Alessandra trabalha na área da saúde e disse que suas roupas ficam todas sujas e está perdendo tudo.

A Sabesp enviou a seguinte nota ao “Jornal da Região”:

“A Sabesp informa que vai enviar uma equipe para realizar vistoria no local. A Companhia reitera que não recebeu reclamação sobre coloração da água nos seus canais de atendimento.
A Sabesp segue à disposição pelos telefones 195 e 0800 055 0195 (ligações gratuitas), ou pela Agência Virtual no site www.sabesp.com.br. E os clientes também podem utilizar o aplicativo da Sabesp para smartphones com sistemas operacionais Android e IOS. O serviço opera 24 horas por dia e a ligação é gratuita.”