Jundiaí está próxima dos 20 mil vacinados contra Covid

Com pouco mais de 40 dias desde o início da vacinação contra a COVID-19, a Prefeitura de Jundiaí encerra a semana com aplicações de primeiras doses (D1) em idosos com 80+ em postos fixos, montados em Unidades Básicas de Saúde, além da segundo dose para idosos com 90 anos ou mais, no Parque da Uva. Ao todo 19.400 pessoas já tomaram a D1 contra o Novo Coronavírus, e 6.577 já tiveram a aplicação da D2, completando a quantidade exigida pelos laboratórios fabricantes das vacinas. Ao todo foram aplicadas 25.977 doses. Para a próxima semana, o público 77+ é o alvo com a oferta das doses em sistema drive-thru e postos descentralizados. Em ambos, é essencial o agendamento.

Dona Maria do Rosário Honório, 80 anos, moradora no Jardim Caçula, nasceu no Paraná mas mora em Jundiaí há muitos anos. Mesmo com a chuva fina que caia na manhã de sábado, não perdeu a agenda reservada na Nova UBS Jundiaí Mirim. “Foi muito rápido. Está organizado e agora estou um pouco mais tranquila. Tenho ainda a segunda dose para receber, mas estou muito feliz”, comenta.

Idosos com 80+ receberam a primeira dose de vacina em postos fixos, neste sábado, após agendamento

Dona Dagmar de Araújo Clemente, 81 anos, mora no Rio Acima e foi levada por parentes para a vacinação na Nova UBS Jundiaí Mirim. “Rapidinho. Nem doeu”, brincou a idosa, que, assim como os demais que receberam a dose de vacina Oxford/Astrazeneca, terão de agendar a segunda dose após 12 semanas.

Além da unidade do Jundiaí Mirim, o sábado também teve a imunização como postos fixos no Novo Horizonte, Morada das Vinhas, Eloy Chaves, Colônia e Rami para os idosos com 80 anos ou mais. Já o Parque da Uva, encerra o dia, às 17h, com a aplicação da segunda doses dos idosos com 90 anos ou mais.

Próxima semana
Entre os dias 8 a 12, a semana será dedicada à aplicação das primeiras doses para idosos com 77 anos ou mais e a segunda dose de 90+.

Os agendamentos para esses dias e locais se esgotaram.

De acordo com a diretora de Vigilância em Saúde da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS), Fauzia Abou Abbas Raiza, é essencial que a população não esqueça de levar a documentação necessária para receber a aplicação.

“Se a pessoa vai receber a primeira dose, é preciso que leve um documento com foto, CPF e comprovante de residência. E, para quem vai receber a segunda dose, que além dos documentos citados, não se esqueça do comprovante da vacinação anterior. Lembrando sempre que o atendimento em Jundiaí só é realizado a partir de agendamento, seja pelo APP Jundiaí, Portal da Prefeitura de Jundiaí, ou pela Central de Agendamento de Consultas (CAC), para quem tem mobilidade reduzida ou é acamado”, ressalta.

 

Foto de Pedro Amora