Sorocaba terá barreiras sanitárias. Pessoas de outras cidades devem voltar para casa

RENATO FONTES

(FOLHAPRESS) – A Prefeitura de Sorocaba (99 km de SP) realizará barreiras sanitárias em cinco pontos do município a partir das 7h desta quinta-feira (25). O objetivo é impedir aglomerações e evitar que moradores da capital paulista viagem para a cidade durante os feriados antecipados.

A ação durará até o dia 4 de abril, domingo de Páscoa, e as blitze ocorrerão sempre das 7h às 22h. O anúncio foi feito pelo prefeito Rodrigo Manga (Republicanos), na tarde desta segunda-feira (22).

De acordo com a prefeitura, os cinco pontos que terão a barreira sanitária são: Av. Independência; Av. Ipanema (Cruz de Ferro); Av. Dom Aguirre; Av. São Paulo (altura do número 4.500) e Av. Armando Pannunzio (altura do número 1.120). Também haverá uma blitz itinerante que percorrerá a cidade.

Na barreira, profissionais da área de saúde, com o auxílio dos agentes de trânsito e guardas-civis municipais, vão solicitar a parada de carros que passarem pelo município para realizar o rastreamento clínico, onde será feita aferição de temperatura corporal dos motoristas e passageiros.

Também será inspecionado o uso de máscaras, álcool em gel e transmitida uma orientação educativa sobre evitar a circulação na cidade, sem necessidade. Pessoas de outras cidades serão orientadas a retornarem. Já aquelas que apresentarem suspeitas da Covid-19 serão encaminhadas para uma unidade de saúde.

Segundo a pasta, será publicado um decreto, em que, durante este período, apenas um membro por família deverá frequentar os serviços essenciais, como supermercados e farmácias. “Além de todas as medidas de enfrentamento e combate à Covid-19 que estamos realizando, como campanha de vacinação, ampliação de leitos, implantação de centros de estabilização, assinaturas de protocolos de intenção para compra de vacinas, dentre outras, intensificaremos a fiscalização nos serviços essenciais. Em paralelo, já assinamos mais uma intenção de compra de vacinas, para que a imunização possa ocorrer o mais rapidamente possível na cidade”, afirmou o prefeito em texto publicado no site da prefeitura.