GMJ faz ações com mensagens de som para coibir aglomeração no Centro

Para diminuir a aglomeração de pessoas, a Guarda Municipal de Jundiaí (GMJ) realizou uma ação com mensagens de som, através de suas viaturas, na manhã desta segunda-feira (19) no Centro de Jundiaí. Com a passagem do município para a Fase de Transição, comércios voltaram a funcionar das 11h às 19h.

Na última sexta-feira, a Prefeitura Jundiaí publicou um decreto específico de início da Fase de Transição, alinhado ao Plano São Paulo de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus, do Governo do Estado de São Paulo. As mensagens transmitidas por equipamento de som da GMJ trazem informações úteis à população, com foco nas boas práticas sanitárias.

“Estamos colocando nossa estrutura à disposição da população e levando informações confiáveis”, declara a gestora de Segurança Municipal, coronel Carla Basson. “Ao abordarmos um caso de aglomeração, sempre mantemos o diálogo e levamos a orientação correta aos moradores da cidade.”

A GMJ continua seu trabalho de fiscalização às aglomerações e no combate aos pancadões em diferentes regiões de Jundiaí. Entre sexta-feira (16) e sábado, foram atendidas 36 ocorrências de aglomeração de pessoas em toda cidade, a partir de denúncias por meio do telefone 153 e do APP Jundiaí.

No mesmo período, as equipes do Canil e do Apoio Tático, em integração com a Polícia Militar, ocuparam os bairros Jardim Tamoio e Jardim São Camilo, nos quais permaneceram em áreas em que ocorriam reclamações de som alto. Nas duas noites, não foram identificados casos de pancadão nesses locais. Na sexta e sábado, foram utilizados 15 guardas e policiais e cinco viaturas para as ações.

“Ações conjuntas com outros órgãos de segurança têm trazido bons resultados”, explica a gestora de Segurança Municipal.

Outros bairros

A Guarda Municipal de Jundiaí manteve equipes fixas durante a sexta e o sábado no bairro Eloy Chaves, atendendo reclamações de aglomeração e som alto. Duas viaturas permaneceram no bairro e não houve ocorrências.

Também na sexta e no sábado à noite, operações integradas entre a GMJ e a Divisão de Fiscalização do Comércio percorreram o Jardim Tamoio para atender denúncias de comércios abertos ilegalmente, descumprindo o decreto municipal. Foram notificados cinco estabelecimentos, entre bares e trailers que deveriam estar fechados.

A Guarda Municipal também atuou na rua Dr. Torres Neves, no Centro, após a reclamação de moradores e comerciantes, devido à importunação causada por moradores de rua que ocupam a praça Dr. Domingos Anastácio.